Escolher ter uma loja física ou virtual? Entenda as vantagens de cada uma.

Se você já tem uma empresa física e quer empreender no mundo digital ou se está em dúvida sobre qual tipo de negócio abrir, é importante conhecer bem quais são as principais diferenças entre loja física e virtual. Afinal, além das distinções óbvias, existem algumas particularidades de cada uma que você precisa conhecer para fazer o melhor investimento.

Por esse motivo, preparamos este artigo para apresentar as principais diferenças existentes entre esses empreendimentos. Confira!

As vantagens da loja virtual

As lojas virtuais trazem muito mais benefícios. Isso porque, além de ter os custos reduzidos, o alcance é muito maior, o que pode resultar no aumento das suas vendas. E outro ponto muito relevante de ressaltar, é que a loja virtual permite acesso a qualquer momento com uso de aparelho que tenha acesso à internet.

Em relação aos custos é um baixo investimento inicial em comparação com o investimento de uma loja física (aluguel ou compra do imóvel, contratação de funcionários, impostos, móveis, decoração, limpeza, entre outros). 

Não há necessidade de contratação de vendedores, logo, não é necessário pagamento de comissão, o que já dá uma margem de lucro maior, permitindo operar com linha de desconto bem mais atrativa para o consumidor.

No entanto, ao empreender nessa área, é importante garantir que as informações dos clientes estejam seguras para evitar fraudes ou vazamento de dados.

As vantagens da loja física

Nesta modalidade de negócio, você tem mais custos fixos, como aluguel da loja, folha de pagamento de funcionários e itens básicos de manutenção. Sem contar que será necessário uma equipe de vendas, atendimento e caixa. Lembre-se de capacitar todas essas pessoas.

Entretanto, uma das vantagens é que, por ter o contato físico, fica mais fácil descobrir o que o cliente quer e oferecer mais produtos, aumentando o ticket médio. Além disso, com a loja física é possível proporcionar uma melhor experiência para o seu cliente.

Ao optar por ter uma loja física, você deve mapear qual formato e canal de venda off-line faz mais sentido para a sua marca, as mais comuns são:

  • Loja física de varejo: loja que fica no ambiente externo, voltado para venda ao consumidor final;
  • Loja de shopping: possui a mesma finalidade da primeira, porém está localizada dentro de um shopping, próximo a outras lojas maiores que podem atrair clientes;
  • Pop up store: lojas temporárias, mais comuns em eventos ou sazonalidades;

Entender que o conceito de loja física vem mudando e se modernizando a cada ano é indispensável para validar se essa forma de negócio é a ideal para você começar a empreender. 

Já foi o tempo onde uma loja física se limitava apenas a atender os clientes que chegavam até a loja. Hoje para se ter um negócio com potencial de sucesso é preciso entender que não há mais barreiras entre o físico e o digital. Ou seja, mesmo que você tenha uma loja física, terá sim que ter presença digital da sua marca. Seja através de gestão de relacionamento com os clientes pelo WhatsApp ou então uma presença sólida nas redes sociais.

Qual modelo escolher: loja física ou loja virtual?

É possível dizer que não existe modelo certo ou errado de começar a empreender. Pois isso, é indispensável que você entenda qual modelo atende melhor o seu nicho de mercado e o seu negócio. Pois há chance de crescimento em ambos os formatos, seja na loja física ou virtual.


 188 Total,  2 Hoje

Gostou do Post? Compartilhe 🙂